Lua ficará ‘congelada’ no céu durante todo final de semana; entenda

Lua ficará ‘congelada’ no céu durante todo final de semana; entenda


Lunistício, fenômeno astronômico que faz parecer que o satélite fique parado no céu, começa a partir da noite desta sexta-feira (21)

Reprodução/Instagram/@leosensA foto do Cristo 'abraçando' a lua foi tirada em Niterói, do outro lado da Baia de Guanabara
A foto do Cristo ‘abraçando’ a lua foi tirada em Niterói, do outro lado da Baia de Guanabara

O lunistício, fenômeno astronômico que faz parecer que a Lua fica parada no céu, começa a partir da noite desta sexta-feira (21).O evento só pode apreciar este acontecimento quem se encontra no hemisfério norte da quando a Lua vai ficar a 28,5º graus ao sul da Linha do Equador. Na prática, o satélite natural vai alcançar os pontos mais extremos em relação à Terra, o que o leva a fazer uma trajetória maior no deslocamento ao redor do nosso planeta. Por esse motivo, ela fica mais visível aos olhos das pessoas e provoca a sensação de que ficou “congelada” no horizonte. A última vez que as pessoas puderam observar uma “paralisação lunar”, como o acontecimento passou a ser apelidado, foi há 18 anos, em 2006.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Pelo fato da Lua estar mais inclinada ao sul do Equador, a visualização dela será diferente para quem estiver em hemisférios opostos. Os que observarem a partir de países do sul, a Lua nasce mais cedo e se põe mais tarde, apresentando uma trajetória na qual ficará acima do horizonte por mais tempo e atingirá pontos bem altos no céu. Já para as pessoas que estiveram na parte norte da Terra, elas verão o satélite natural do nosso planeta ter uma apresentação oposta: atingirá no céu as menores alturas do ano – o que provoca a sensação de estar parada.

*Com informações do Estadão Conteúdo

 





Fonte: Jovem Pan

Brasil